edição brasileira, 

ISSN 1981-6332

Revista MUSEU - cultura levada a sério O portal definitivo que mostra os bastidores
dos museus, a criatividade dos profissionais
da área e seus projetos inovadores,
divulgando a cultura no Brasil e no mundo.
    cultura levada a sério  
Busca no site
Em Foco
Artigos
Notícias
O Escriba
Glossário
Galeria
Na Estrada
Vitrine
Canal RM
Publicações
Loja RM
RM Imports
Projetos
Agenda
Endereços
Legislação
Links
Em Contato
Cadastre-se
Nossa Equipe
Parcerias
Patrocínio
Publicidade
Brindes
Expediente

O seu apoio é muito importante para nós !
Clique aqui e faça do Revista Museu sua Home Page Inicial !!
 

• Nota de Pesar – Sante Scaldaferri

A Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA) e suas unidades vinculadas – Fundação Cultural do Estado da Bahia, Fundação Pedro Calmon e Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia – lamentam o falecimento do artista plástico baiano Sante Scaldaferri, aos 88 anos, na noite deste domingo (15). A SecultBA transmite o seu pesar aos familiares e amigos. O enterro está marcado para as 17 horas desta segunda-feira (16), no Campo Santo, na Federação. Nascido em 1928, Sante Scaldaferri graduou-se pela escola de Belas Artes da Universidade Federal da Bahia e integrou, na década de 40, a importante geração da revista MAPA, ao lado de Glauber Rocha, Calasans Neto, Florisvaldo Mattos, João Ubaldo Ribeiro e outros importantes nomes. Em estilo expressionista e, principalmente, no retrato da Bahia e seu cotidiano e do drama do sertão nordestino, sua obra ganhou grande dimensão. (Secult BA)

Postado em Segunda-feira, 16 de maio de 2016 | 20:43 por Editoria RM

• João Braga realiza palestra `Paris e a moda` na FASM

Impossível pensar em Paris e não pensar em moda. Para quem gosta de ambos os assuntos, o professor do curso de Moda da Faculdade Santa Marcelina e historiador João Braga fará uma palestra gratuita, no dia 18 de maio, com início às 13h na unidade Perdizes da instituição. “Capital da França e capital mundial da moda, a cidade de Paris atrai a atenção quando se trata das novidades relativas à moda, e isto não é de agora, vem de longa data”, diz Braga, que tratará do histórico dessa mistura da cidade com o mundo fashion por diversos vieses. O docente é extremamente querido pelos alunos do curso, principalmente por não limitar suas aulas apenas aos temas primários, mas falar de outras formas de arte, como cinema e arquitetura, por exemplo. Por isso, é possível esperar que a moda seja apenas um dos assuntos relevantes levantados durante a apresentação. O professor ainda afirma que também dará outros panoramas. Esta palestra tem como objetivo elucidar quando e como Paris tornou-se o centro irradiador de moda, como se reinventa por intermédio das novas dinâmicas do setor”, finaliza. E como a mesma Cidade Luz se atualiza e mantém sua identidade lançadora e legitimadora das propostas de moda”.

Palestra “Paris e a moda” com João Braga
Dia 18 de maio, das 13h às 14h
FASM Perdizes – Auditório Laura Abraão
Rua Dr. Emílio Ribas, 89 – Perdizes - SP

Postado em Domingo, 15 de maio de 2016 | 16:38 por Editoria RM

• Aniversário do Museu da Vida

A partir da próxima segunda-feira, dia 16 de maio, 1.236 museus e instituições culturais pelo Brasil vão participar da 14ª Semana Nacional de Museus. A data coincide com o aniversário de 17 anos do Museu da Vida (campus da Fiocruz, na Avenida Brasil, 4365, em Manguinhos). Para comemorar os eventos, o museu preparou uma programação especial, composta por palestras com especialistas, exposições artísticas e culturais, visita e caminhada históricas, além de apresentações de dança, teatro e até um bloco de Carnaval. A programação completa pode ser conferida em www.museudavida.fiocruz.br. O horário de funcionamento é das 9h às 16h30, de terça a sexta, e no sábado, das 10h às 16h, com entrada gratuita. Mais informações: tel.: 2590-6747. (FAPERJ)

Postado em Domingo, 15 de maio de 2016 | 09:34 por Editoria RM

• MAM SP: Encontros sobre História da Arte

O "Contatos com a arte" dá continuidade aos encontros mensais sobre história da arte com o professor Felipe Martinez. Dessa vez, o tema será o Maneirismo, termo cunhado pelos historiadores para agrupar a produção artística feita entre o período do alta renascença e o início das primeiras manifestações do Barroco. Serão analisadas as diferentes características deste período, por meio das obras de importantes artistas, como Parmigianino, Bronzino, Cellini e Pontormo.

Evento:
19 mai (qui)
19h - 21h
O Maneirismo
Local: Auditório Lina Bo Bardi - MAM. Vagas limitadas.
Inscrições e informações: 11 5085-1313 e
educativo@mam.org.br

Atenção: para inscrição envie um e-mail com os seguintes dados:
- nome completo
- telefone para contato
- nome da instituição (trabalho/ ensino)

Postado em Sexta-feira, 13 de maio de 2016 | 07:15 por Editoria RM

• Nota de pesar: Antônio Gomes Tição

O Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) manifesta seu mais profundo pesar pelo falecimento do Sr. Antônio Gomes Tição. Ele deixa como legado belíssimo a trajetória marcada pelo respeito ao próximo, amor e dedicação à família. Em seu trabalho de conformação do Museu Casa da Princesa montou coleções, promoveu o museu e manteve a manutenção da Casa. Sua dedicação ao patrimônio cultural é exemplar, de modo a contribuir com a preservação da memória de Pilar de Goiás e do estado de Goiás. Diante desta perda irreparável, nos solidarizamos com seus familiares e amigos e representantes das instituições locais. (Ibram/MinC)

Postado em Quarta-feira, 11 de maio de 2016 | 21:37 por Editoria RM

• MAM SP: Dialogando com a obra Constelações

O artista Amilcar Packer convida o crítico Max Jorge Hinderer para discutir a importância da produção de substâncias energéticas dentro dos sistemas produtivos coloniais e suas consequências contemporâneas.

MAM São Paulo
14 de maio (sáb) às 15h
Exposição "Educação como matéria-prima" - Sala Paulo Figueiredo
Vagas limitadas. Acessível em Libras.
Inscrições: envie nome e e-mail para
educativo@mam.org.br

Postado em Quarta-feira, 11 de maio de 2016 | 07:55 por Editoria RM

• RJ: Exposição noTeatro Ziembinski

O Teatro Municipal Ziembinski, na Tijuca, oferece a seus visitantes, de terça-feira a domingo, das 14h às 22h, a exposição permanente "Ziembinski sob a luz". Com entrada gratuita, a mostra apresenta textos, fotos e artigos que lembram vida e obra do ator Ziembinksi, que dá nome ao teatro. A exposição conta com pesquisa de Gabriel Garcia, programação visual de Epifania 03 -Thiago Ristow, direção de produção de Robson Sanchez e direção geral de Monique Carvalho. Mais informações podem ser obtidas pelos telefones (21) 2234-2003/2815. O teatro fica na Avenida Heitor Beltrão, s/n, Rio de Janeiro. (Prefeitura do RJ)

Postado em Terça-feira, 10 de maio de 2016 | 07:42 por Editoria RM

• Fundação Eva Klabin oferece MPB Eva no próximo sábado

A Fundação Eva Klabin (FEK) é consagrada por oferecer constantemente uma programação cultural variada e de qualidade que inclui além das visitas guiadas ao acervo, atividades como exposições, concertos, cursos, oficinas e programas educativos para o público infantil. Dia 14/05, sábado, às 17h, será a vez do Projeto MPB Eva, que tem o intuito de promover a música popular brasileira e que trará os músicos Nicolas Krassik no violino, Renata Jambeiro voz, Lúcio Rodrigues no violão de 7 cordas e Carlos Cesar na bateria e percussão. No repertório, canções de Chico Buarque, Gilberto Gil, Toquinho, Vinicius de Moraes entre outros. Na primeira edição do ano, realizada em abril, o MPB Eva trouxe o cantor e compositor Moraes Moreira que teve sucesso de público e ingressos esgotados. As reservas deverão ser feitas através do telefone 21 3202 8555 ou pelo email reservas@evaklabin.org.br.

Serviço:
Fundação Eva Klabin - MPB Eva

Endereço: Av Epitácio Pessoa, 2.480, Lagoa, Rio de Janeiro - RJ
Ingressos: R$50 (inteira), estudantes e maiores de 60 anos R$25, Clube Sou + Rio 20% de desconto
Reservas: 21 3202 - 8555 ou reservas@evaklabin.com.br
Programação e produção Nenem Krieger
Organização: Marcio Doctors

Postado em Segunda-feira, 9 de maio de 2016 | 18:18 por Editoria RM

• Minicurso sobre movimentos vanguardistas no Museu Alfredo Andersen

No dia 12 de maio o Museu Alfredo Andersen realiza o minicurso “O vestuário na obra de arte: compor, envolver, embalar, identificar” que traz uma discussão sobre a importância dos movimentos de vanguarda no imaginário social do século XX na Europa e seu reflexo no Brasil. O curso será ministrado pela Dra. Maria de Fatima de Mattos e a entrada é gratuita. O curso abordará questões sobre os movimentos de ruptura com o conceito tradicional de arte e as relações entre o artista, a obra e o estilista. Considerando o traje como objeto de reflexão para o entendimento da sua transformação como meio de expressão e suporte para a criação na segunda metade daquele século.

Serviço
Minicurso: O vestuário na obra de arte: compor, envolver, embalar, identificar

Dia 12 de maio, das 14h às 18h.
Auditório do Museu Alfredo Andersen
Ministrante: Dra. Maria de Fatima da S. Costa G. de Mattos
Entrada gratuita

Museu Alfredo Andersen
Rua Mateus Leme, 336, São Francisco. Curitiba-PR
Visitação: de terça a sexta-feira, das 9h às 18h.
Sábados e domingos, das 10h às 16h
www.maa.pr.gov.br | maa@seec.pr.gov.br

Postado em Domingo, 8 de maio de 2016 | 10:40 por Editoria RM

• Tardinha poética neste domingo no Ocupe a Praça

A Tardinha Poética atinge as crianças desde a fase de alfabetização (entre 4 e 5 anos) até a pré-adolescência (11 ou 12 anos), das mais diversas classes sociais. É um espaço democrático de leitura e interpretação de poesia e possibilita a ligação da poesia com outras artes, em média, cerca de 30 crianças participam de cada evento. Este projeto surgiu a partir do interesse do público infantil em participar de outros projetos desenvolvidos pelo Instituto Lumeeiro e que não eram específicos para este público. Assim, buscou-se uma forma da poesia interagir com o mundo das crianças e passar a fazer parte dele, estabelecendo oportunidades de conexões com outras artes e dando vez à capacidade interpretativa dos participantes a partir de conversas e atividades lúdicas feitas após a leitura dos poemas.

Reunir para ler e compreender é o principal impacto causado pelo projeto. A partir dessas reuniões, as crianças têm a oportunidade de criar o hábito da leitura, escutar e ser escutada, desenvolvendo o trabalho em equipe, o senso crítico e o respeito pelo outro e, em especial, pela opinião do outro. A indistinção entre classes sociais também é outro ponto a ser observado, visto que projeto acontece em diversos locais, possibilitando a participação qualquer criança. Aqui, propõe-se um evento com duração entre 30 e 40 minutos e abordagem de temas variados. A leitura é feita tanto pelo apresentador do projeto, quanto pelas crianças. A música e as artes plásticas farão interação com a poesia durante todo o evento.

Postado em  Domingo, 8 de maio de 2016 | 09:40 por Editoria RM

 
Busca no Escriba
Arquivos
maio/2016
abril/2016
março/2016
fevereiro/2016
janeiro/2016
dezembro/2015
novembro/2015
outubro/2015
setembro/2015
agosto/2015
julho/2015
junho/2015
  • Revista Ventilando Acervos

  • Oi Futuro - Edital de Cultura 2013

  • VII Encuentro Iberoamericano de Museos

  • Artista Zélia Salgado

  • Festival do Rio 2013


  • voltar ao topoVoltar ao Topo
    Revista Museu Site desenvolvido por Clube de Ideias
    Copyright © 2001-2009

    Conheça nossa política de privacidade.